O futuro do trabalho e as competências essencias no cenário em que vivemos : FRST – Falconi Road Of Skills and Talents
Notice: Undefined index: HTTP_REFERER in /var/www/frstfalconi.com/htdocs/wp-content/themes/frst-theme/functions/functions-acf.php on line 329

Publicado em 16 de março de 2020

O futuro do trabalho e as competências essencias no cenário em que vivemos

Bárbara Rocha

Chief Growth Officer, FRST

A hiperconectividade do mundo, o trabalho em rede e o surgimento de tecnologias cada vez mais disruptivas estão transformando o mercado de trabalho. Times multidisciplinares, estruturas organizacionais descentralizadas e processos de decisão mais ágeis são exemplos deste novo momento das empresas. A velocidade da transformação é exponencial, demandando novas habilidades dos profissionais que desejam liderar neste cenário.

Lançado em 2019, o último relatório “O Futuro do Trabalho”, realizado pelo Fórum Econômico Mundial (FEM), destacou as 10 competências indispensáveis para os profissionais do século XXI. A lista evidencia uma nova tendência do mercado de trabalho mundial, que valoriza cada vez mais características relacionadas às qualidades humanas – as “human skills”.

A mudança em curso é tão grande que a instituição estima que, entre 2016 e 2020, 35% das habilidades em alta já tenham se alterado. Além disso, aponta que 65% das crianças hoje no primário terão empregos completamente novos quando entrarem no mercado – e eles já começaram a surgir, de cientistas de dados a desenvolvedores de apps e pilotos de drones.

As 10 competências para o profissional do futuro de acordo com o FEM

Negociação

Capacidade de chegar a um acordo em prol de um objetivo em comum em situações que envolvam interesses discordantes. Para isso, é necessário ter conhecimento aprofundado e conseguir transmiti-lo de forma clara.

Colaboração

Organizar as próprias ações e ações da equipe, garantindo que o trabalho esteja encaminhado da forma como foi planejado, e sabendo encarar problemas e encontrar soluções para possíveis imprevistos.

Pensamento crítico

Desenvolver análise crítica para questionar a eficácia dos processos e ser capaz de diversificar perspectivas e insights, sugerindo ideias e soluções inovadoras por meio do raciocínio e da lógica. Isso torna o trabalho mais eficiente e melhora a capacidade de  resolução de problemas complexos.

Inovação

Capacidade de abrir espaço para novas ideias e perspectivas. Em um mercado em constante mudança, é essencial desenvolver tais habilidades para manter a empresa atual e em posição de destaque no universo dos negócios. 

Flexibilidade cognitiva

Capacidade de lidar com diferentes situações e imprevistos de forma racional e inteligente. Essa habilidade une criatividade, raciocínio lógico e sensibilidade para resolução de problemas.

Liderança

Liderar significa ir além da habilidade de coordenação e ser capaz de trabalhar da melhor forma as qualidades de cada profissional da equipe, enfatizando os pontos fortes e aprendendo a trabalhar os pontos fracos.

Julgamento e tomada de decisão

Com a automatização do trabalho, decisões simples se tornarão competência das máquinas, enquanto as mais complexas serão de responsabilidade do profissional. Visão macro da situação e conhecimento aprofundado, para balancear da melhor forma custos e benefícios de cada opção, são fundamentais.

Orientação para servir

Habilidade de encontrar formas de ajudar, levando em consideração as necessidades dos outros, como colegas de trabalho, profissionais de outras áreas ou clientes, na hora de traçar as ações.

Inteligência emocional

A inteligência emocional é uma competência que abriga diversas habilidades socioemocionais sob seu guarda-chuva. Quem possui um alto índice alto de inteligência emocional sabe identificar e lidar com suas próprias condições emocionais e aquelas de seus amigos, colegas e clientes.

Solução de problemas complexos

Um contexto de grandes mudanças engloba também grandes – e novos – problemas. É necessário saber identificar quais são os pontos de maior importância e de difícil resolução, alinhando dados e conhecimento técnico, para encontrar as melhores soluções.


Deste modo, o que trará sucesso hoje é diferente do que tornou organizações bem-sucedidas no passado. Ou seja, o desenvolvimento de novas competências é o desafio-chave dessa era. Ao criar uma cultura de aprendizado, as empresas estarão implementando a mudança de mentalidade e as condições de desenvolvimento necessárias para ter sucesso nos mais diversos cenários.

Diante desta realidade é que nasce a FRST – Falconi Road of Skills and Talents, a solução educacional para o desenvolvimento do profissional do futuro – o futuro que já chegou. Oferecemos uma experiência de aprendizado individualizada que traz desafios similares ao vivenciados nas empresas, possibilitando que profissionais de diversos perfis desenvolvam as competências necessárias para os desafios do século XXI.

Publicado por:

Bárbara Rocha

Chief Growth Officer, FRST

Executiva de marketing com foco em performance e transformação digital com mais de 18 anos de experiência. Liderou o desenvolvimento estratégico de marketing e growth de clientes como Hyundai Global, Johnson & Johnson, Procter and Gamble, Canon, Itaú, PUIG, entre outros. Antes da FRST Falconi, participou do processo de escala da Udacity – edtech do Vale do Silício – no Brasil.

Publicações relacionadas